AVISOS da SEMANA


Todas as segundas-feiras – 19:00h – Intercessão.

17/12 – dom – 10h e 18h – Teatro: Jesus na nossa família

24/12 – dom – 10h Café da manhã de Natal

24/12 – dom – 18h – não haverá culto.

31/12 – dom – 10h Culto da manhã

31/12 – dom – 18h – não haverá culto.

Postagens

Células nas casas - confira a mais próxima de você.

. 2ª feira......... 19h Culto de Intercessão
20h15.. Escolas Líderes e Teológica
. 5ª feira ........ 20h.... Culto

. 6ª feira ....... 20h ... Rd da Família (confira agenda)
. 6ª feira ....... 20h ... Rd adolescentes(confira agenda)
. Sábados...... 19h30.. Rd de Jovens (confira agenda)
. Domingos... 16h45... Pós Encontro e Esc. de Líderes
. Domingos... 10h e 18h..... Culto de Celebração

quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Restaurando o altar do amor ao próximo

Lucas 10:25-37

Estamos vivendo tempos em que muitas discussões tem se levantado em nossa sociedade com relação a religião, liberdade de culto e até mesmo a Fé no que diz respeito ao que é certo o que é errado, ao que é verdadeiro e ao que é falso. E muitas vezes essas discussões surgem no meio da igreja de Cristo. Basta darmos uma olhada nas redes sociais, na TV, e vamos encontrar irmãos se degladiando dizendo que isso é Deus, isso não é Deus. 

Roupas, penteados, cabelos (ou a falta deles), barba, cavanhaque, músicas, maneira de falar e de agir, tudo é motivo de discussão e acusação

Claro que temos que temos que nos cuidar na forma que vamos nos apresentar para as pessoas, e obviamente que se andamos na contramão da sociedade, e queremos agradar ao Senhor, temos sim que tomar cuidado com cumprimento das roupas, por exemplo, temos sim que tomar cuidado em não ficar expondo nosso corpo ou partes dele de maneira que leve o meu irmão a pecar.

1Co 14:40 – “Tudo Porém seja feito com ordem e decência.”

E isso era o que estava acontecendo também em Israel com Jesus. Inquiriam-no a todo instante, questionando sua forma de falar, sua forma de agir, como curava, etc. Tudo o que Jesus fazia incomodava os religiosos, os doutores da Lei, e eles tentavam fazer com que Jesus caísse em uma de suas armadilhas, e o questionavam a cada ensinamento, para testa-lo, e coloca-lo à prova, para ver se o Jesus estava falando se afastasse da lei de Moisés, e dessa forma poderiam condena-lo.

Existe uma frase que eu ouvi em certa ocasião, mas que infelizmente não me recordo do nome do pregador que a proferiu, mas ele disse assim, “pregue o evangelho, e se for preciso fale”.  Se quisermos ganhar vidas para o Senhor, e ter uma multidão de discípulos servindo a Deus, precisamos ser diferentes e fazer a diferença onde quer que formos.

E nessa parábola do Bom Samaritano, Jesus nos ensina exatamente isso, ou seja, a pregar o evangelho com atitudes. Atitudes de amor ao próximo e atitudes de servo para com aqueles que caíram nas mãos do diabo e hoje, espiritualmente estão quase mortos e estão sofrendo e não conseguem encontrar uma saída, pois estão tão feridos e exaustos que não conseguem se levantar sozinhos e tomar uma decisão de seguir a Jesus.

V – 33 Certo Samaritano, que seguia o seu caminho passou-lhe perto e vendo compadeceu-se dele.

Precisamos ficar atentos, pois os necessitados da palavra de Deus estão por onde andamos, por onde passamos, no nosso dia-a-dia. Seja no seu trabalho, na sua escola, na faculdade e até mesmo dentro da sua casa. São nesses lugares que vamos encontrar aqueles que são vitimas do inimigo e que precisam de ajuda.

Foi isso que o Samaritano fez. 

V – 34 E, chegando-se pensou-lhe os ferimento (tratar convenientemente, fazer curativo), aplicando-lhe óleo e vinho e colocando-o sobre o seu próprio animal, levou-o para uma hospedaria e tratou dele.

Aquele homem havia sido assaltado, logo estava sem dinheiro, havia sido agredido, a ponto de parecer que estava morto, portanto seus ferimentos deveriam ser graves, e esses ferimentos o impediam de levantar

O Samaritano avaliou a situação, começou a investir naquele desconhecido. Investiu tempo, investiu dinheiro e investiu amor.

Quando encontramos uma vitima do diabo, se pudéssemos enxergar o reino do espirito, iria ver que espiritualmente essa pessoa estará dessa forma, sem qualquer condição de reagir aos ataques do maligno.

Se quisermos ter uma multidão vamos ter que investir tempo, dinheiro e muito amor nessa pessoa. 

Investir tempo –. Oléo e vinho, nesse texto, falam de unção e alegria, e só vamos conseguir derramar unção e alegria na vida de alguém que tivermos para derramar nela. Se o Samaritano não tivesse óleo e vinho consigo onde ele iria conseguir isso para colocar nas feridas daquele homem. Se você não tiver cheio da unção de Deus e de alegria, onde você vai conseguir isso quando precisar? Vai ligar para o seu líder? 

Unção, se consegue com vida com Deus, investindo tempo em oração, leitura da palavra e adoração. 

Alegria se consegue investindo tempo em um relacionamento com a pessoa, consolidando-a na fé. Investindo tempo no discipulado, levando-a a sair daquela situação em que se encontra, se livrando de tudo aquilo que ainda a impede de caminhar com Deus.

V – 35 – “No dia seguinte, tirou dois denários e os entregou ao hospedeiro, dizendo: Cuida deste homem e se alguma coisa gastares a mais eu te indenizarei quando eu voltar.”

Investir dinheiro – Quem já teve a oportunidade e evangelizar pessoas em situação de rua, usuários de droga, sabe que antes de matar a fome espiritual dessa pessoa, será necessário matar a fome física, fome de comida dessa pessoa, por exemplo. Ajudar a tirar documentos, comprar roupas para essa pessoa, comida, etc. 

Mas talvez o caso não seja esse, mas você vai ter que investir dinheiro, quando você for visita-lo em sua casa. Já tive um discípulo que já ofertei celular para ele poder trabalhar, já até abasteci o carro dele para que pudesse ir para a célula e para o culto. Recentemente, depois de alguns anos, tive a oportunidade de encontra-lo e hoje transformou-se em um líder de célula em sua cidade, próspero, que tem investido em seus discípulos, e agora já está formando outros líderes debaixo do seu discipulado. A célula dele já vai multiplicar porque tem 40 pessoas debaixo de sua cobertura.

Não se trata de sustentar a pessoa, mas dentro da necessidade dela ajuda-la com recursos financeiros para que possa ser curada e voltar a andar.

Investir Amor – Talvez esse seja característica mais importante e mais difícil que o Samaritano teve para com aquele homem.

Veja que duas pessoas de quem era esperado que tivesse amor para com o próximo, quando passaram e viram aquela cena,desviram o seu caminho indo para o outro lado da estrada e nada fizeram que foi o Sacerdote e o Levita (v 31 e 32)

O que moveu o coração do Samaritano foi a compaixão, e esse é o sentimento que deve estar muito presente em nós, pois compaixão era o que movia Jesus a fazer os milagres que fez. Se você buscar nos evangelhos você vai ver que Jesus, antes de fazer um milagre, era tomado por compaixão.

E compaixão é a vontade de tirar a pessoa daquela situação em que ela se encontra. Não é apenas uma ajuda momentânea, uma esmola, mas é você ajuda-la, porque está ferida e necessitada e precisa sair daquela situação em que se encontra e leva-la para um lugar melhor de onde está.

Fp 2:5 – “Tende em vós o mesmo sentimento também que houve em Cristo Jesus.  

Compaixão é você enxergar a necessidade de alguém ,entender essa necessidade e agir para suprir aquela necessidade.

E essa parábola é muito profética, pois tudo isso o que o Samaritano fez para aquele homem que havia sido assaltado e agredido e estava quase morto, é o que Jesus fez conosco e fará àquele que o receber em seu coração

O Samaritano tipifica o Senhor Jesus – Um homem com o coração cheio de compaixão e amor por nós, vitimas do inimigo, o ladrão que veio para roubar matar e destruir.

O dinheiro – O preço que foi pago por mim e por você2Co 6:18“Porque fostes comprados por alto preço. Agora, pois glorificai a Deus no vosso corpo.”

“o demais te pagarei quando eu voltar” – Promessa que Jesus vai voltar para nos resgatar e nos levar com Ele para o céu.

Hospedagem – célula/Igreja para onde são levados os enfermos.

Pensou-lhes as feridas – Isais 53:4 e 5 “Ele levou sobre si todas as nossas dores e enfermidades. E nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus e oprimido. Mas Ele foi traspassado pelas nossas transgressões e moído pelas nossas iniquidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele e pelas suas pisaduras fomos sarados.


Deus te abençoe 

Pr Kleber R Jacinto - Igreja Aguas Mooca

 

Nenhum comentário: